19 de ago de 2009

Associação Brasileira de Bares e Restaurantes entra na campanha da Acessibilidade

A campanha nacional Acessibilidade: Siga essa ideia está chegando às mesas e balcões dos bares e restaurantes do Brasil. Isso porque a presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa Portadora de Deficiência (Conade), Denise Granja, o ministro Paulo Vannuchi, da Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República (SEDH), e o presidente da Abrasel, Paulo Solmucci Jr, assinam nesta quarta-feira (19), às 19 horas, a adesão da entidade empresarial à campanha.

O evento acontece na abertura do 21º Congresso Nacional da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília (Distrito Federal).

A campanha, coordenada pelo Conade – órgão da estrutura básica da SEDH, foi lançada em 2005, durante a 1ª Conferência Nacional dos Direitos das Pessoas com Deficiência. Tem por objetivo sensibilizar e mobilizar a sociedade para a eliminação das barreiras de atitude, de informação, arquitetônicas, dentre outras, que impedem as pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida a participarem efetivamente da vida em sociedade. O objetivo é favorecer a conscientização e estimular uma ação pró-ativa para a construção de uma sociedade inclusiva, solidária que possibilite igualdade de oportunidades.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Censo 2000, no Brasil existem 24,6 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência ou incapacidade, o que representa 14,5% da população brasileira.

De acordo com dados da Abrasel, o setor representa atualmente 2,4% do PIB brasileiro. Além disso, o hábito da alimentação fora de casa é crescente no país e corresponde a 26% dos gastos dos brasileiros com alimentos. É também um setor com enorme potencial na geração de trabalho, principalmente no que se refere a oportunidades de primeiro emprego, absorção de mão-de-obra não especializada (candidata permanente à exclusão), melhoria da qualificação profissional e desenvolvimento de novas carreiras. A inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho foi tema do encontro do presidente Lula com os presidentes das 300 maiores empresas do país, realizado em São Paulo em junho de 2008, e faz parte da Agenda Social do Governo Federal.

A campanha da Acessibilidade está conquistando adesões em todo o país.Várias prefeituras, governos estaduais, clubes de futebol, personalidades públicas como Pelé, Zico, Roberto Dinamite, entre outros já se engajaram.

Veja aqui a lista completa de adesões http://www.mj.gov.br/sedh/documentos/ADESOES_CAMPANHA1.pdf

Conade
O Conade é órgão superior de deliberação colegiada criado para acompanhar e avaliar o desenvolvimento de uma política nacional para inclusão da pessoa com deficiência e das políticas setoriais de educação, saúde, trabalho, assistência social, transporte, cultura, turismo, desporto, lazer e política urbana dirigidos a esse grupo social.

O Conade foi criado para que essa população possa tomar parte do processo de definição, planejamento e avaliação das políticas destinadas à pessoa com deficiência, por meio da articulação e diálogo com as demais instâncias de controle social e os gestores de administração pública direta e indireta.

Veja alguns exemplos de quem aderiu à campanha
Times de futebol: Vasco da Gama (RJ), Corinthians (SP), Botafogo (RJ), Santos (SP), Fluminense (RJ), Grêmio (RS), Internacional (RS), Cruzeiro (MG), Atlético Mineiro (MG), Villa Nova (MG) e o América (MG).

Jogadores: Zico, Roberto Dinamite (presidente do Clube de Regatas Vasco da Gama), Jairzinho (ex-jogador da Copa de 70), Ronaldinho Gaúcho, Clodoaldo, Pepe, Zito, além das medalhistas olímpicas do futebol feminino e os jogadores do elenco profissional do Santos.

Governos: do Distrito Federal, do Piauí, do Maranhão, de Goiás, de Alagoas, de Santa Catarina, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul.

Entidades: Conselho Nacional da Juventude (Conjuve), Associação Nacional do Ministério Público de Defesa dos Direitos dos Idosos e Pessoas com Deficiência (Ampid), Confederação Nacional do Comércio (CNC), Organização Nacional de Entidades de Deficientes Físicos (Onedef), Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (Morhan), Avape, Fenavape, Ceal, Associação de Pais, Amigos e Pessoas com Deficiência do Banco do Brasil (Apabb), Instituto Marista de Solidariedade, União Brasileira de Cegos (UBC), Cefet (BA).

Também aderiram a campanha: o Supremo Tribunal Federal (STF), Ministério Público Federal, Ministério Público da Bahia, Editora Microlins Brasil Ltda, OAB – Seccional de Santos, revista Reação / SP, Reatech – Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade, Grêmio Recreativo Escola de Samba Beija Flor de Nilópolis e o vocalista Neguinho da Beija Flor, o professor Marcos Rolim, o ator Marcos Frota e a atriz Mareliz Rodrigues.

Adesão da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) l à campanha Acessibilidade: siga essa idéia
Data: 19 de agosto de 2009 (quarta-feira)
Horário: 19 horas
Local: Centro de Convenções Ulysses Guimarães, Setor De Divulgação Cultural, Eixo Monumental, Brasília – DF
Fonte: Rede Notícias

Um comentário:

Anônimo disse...

Oi Renata!
Adorei essa foto do bar cheio de cadeirantes!
parabéns pelo blog!
bjos
Elisa